Apollo 13 – Do Desastre ao Triunfo

Direção: Ron Howard
Ano de lançamento: 1995
Duração: 140 min.
País: EUA
Estúdio: Universal Pictures, Imagine Entertainment
Distribuidora (Brasil, DVD): Columbia TriStar Home Entertainment
Roteiro: Wiliam Broyles Jr., Al Reinert, (“Lost Moon”:) Jim Lovell, Jeffrey Klugger
Produção: Brian Grazer, Lorne Orleans (IMAX), (exec.:) Todd Hallowell, (assoc.:) Michael Bostick, Aldric La’auli Porter, Louisa Velis
Elenco: Tom Hanks, Bill Paxton, Kevin Bacon, Gary Sinise, Ed Harris, Kathleen Quinlan, Mary Kate Schellhardt, Emily Ann Lloyd, Miko Hughes, Max Elliott Slade, Jean Speegle Howard, Tracy Reiner, David Andrews, Michele Little, Chris Ellis, Joe Spano, Brett Cullen
Música: James Horner
Fotografia: Dean Cundey
Direção de arte: David J. Bomba, Bruce Alan Miller
Figurino: Rita Ryack
Edição: Daniel P. Hanley, Mike Hill
Efeitos especiais: Digital Domain, Wonderworks

O filme conta a história da missão Apollo 13, de abril 1970, que emocionou o mundo.

Menos de um ano após o primeiro pouso tripulado na Lua, a NASA lança uma missão que, para o público, não passava de rotina – tanto que não ganhou atenção na mídia. A situação muda quando a frase “Houston, temos um problema” chega ao centro de controle na Terra.

A mais de trezentos mil quilômetros de casa, os astronautas Jim Lovell (Tom Hanks), Fred Haise (Bill Paxton) and Jack Swigert (Kevin Bacon) lutam por sua sobrevivência em uma nave seriamente avariada pela explosão de um tanque de oxigênio. Enquanto isso, a equipe em terra, liderada pelo diretor de voo Gene Kranz (Ed Harris) e pelo astronauta Ken Mattingly (Gary Sinise) – excluído da tripulação da nave dias antes do lançamento pela suspeita de que adoeceria no espaço – correm contra o tempo e as chances para ajudar os astronautas a voltar para suas famílias.

A solução encontrada para trazê-los de volta é abortar o pouso na Lua, usar o Módulo Lunar – que desceria no satélite – como “bote salva-vidas”, e dar a volta no lado oculto da Lua.

O player não funciona?

Note que, no último minuto do filme, Tom Hanks cumprimenta o verdadeiro Jim Lovell. O diretor Ron Howard convidou Lovell para interpretar o almirante do USS Iwo Jima, mas Lovell recusou dizendo “Aposentei-me como capitão, capitão serei”.

Anúncios