Nome homenageia veleiros do Século XIV. Sonda que avaliará habitabilidade de lua de Júpiter deve ser lançada na próxima década.

A futura missão da NASA a investigar a habitabilidade da lua joviana Europa recebeu seu nome formal: Europa Clipper. O nome remete aos navios veleiros mercantes de grande porte que navegavam velozmente pelos oceanos no Século XIX. Os clippers eram embarcações aperfeiçoadas que transportavam chá e especiarias pelo globo. Com três mastros, eram reconhecidos por suas graça e rapidez.

Seguindo a tradição dos navios, a espaçonave Europa Clipper passaria por Europa uma rápida cadência,  uma vez a cada duas semanas, fornecendo muitas oportunidades para investigar a lua de perto. O plano principal da missão inclui de 40 a 45 passagens, durante as quais a nave imagearia a superfície congelada da lua em alta resolução e investigaria a composição e estrutura de sua camada interior de gelo.

Há muito tempo, Europa é uma prioridade de exploração pois possui um oceano de água líquida salgada sob sua crosta de gelo. O principal objetivo da Europa Clipper é determinar se Europa é habitável, possuindo os três ingredientes necessários para a vida: água líquida, ingredientes químicos e fontes de energia suficientes.

“Durante cada órbita, a espaçonave passa apenas um tempo curto dentro do ambiente de radiação desafiador perto de Europa. Ela passa rapidamente, colhe uma grande quantidade de dados científicos e navega para fora de lá”, disse Robert Pappalardo, cientista de projeto da Europa Clipper no Jet Propulsion Laboratory (JPL), da NASA, em Pasadena, Califórnia.

Anteriormente, quando a missão ainda estava em sua fase conceitual, foi por vezes chamada informalmente de Europa Clipper, mas apenas agora a NASA adotou o nome como título oficial.

A missão está sendo planejada para ser lançada na década que vem e deve levar alguns anos para chegar ao sistema Júpiter. O JPL gerencia a missão para o Science Mission Directorate da NASA, Washington.

Anúncios